Supermercado paga R$ 10 mil por intoxicar cliente com nhoque vencido

Segundo laudo da Vigilância Sanitária outras embalagens do mesmo produto apresentaram alterações e foram apreendidas

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) manteve sentença que condenou os Supermercados Imperatriz a indenizar cliente que sofreu intoxicação alimentar após consumir alimento contaminado por fungos e aumentou o valor da indenização de R$ 8 mil para R$ 10 mil, de acordo com informações do tribunal.

 cdc

Segundo o TJ, o caso foi registrado em janeiro de 2012. O homem, vítima da intoxicação alimentar, declarou que depois de comprar um pacote de nhoque de batata no prazo de validade e consumir metade do produto passou mal por três dias e precisou recorrer a cuidados médicos.  Além disso, ele teve de se ausentar do trabalho por dois dias.

Segundo laudo da Vigilância Sanitária, que fez vistoria no supermercado, outras embalagens do mesmo produto apresentaram alterações e foram apreendidas.

Segundo o desembargador responsável pelo caso a indenização por danos morais deve ser arbitrada de forma a compensar o abalo experimentado pelo autor e a alertar o ofensor para não reiterar a conduta lesiva.

Procurada, a empresa ainda não se manifestou sobre o processo. O supermercado ainda pode recorrer da decisão nos tribunais superiores.

FONTE: Terra.