Festival da jabuticaba e artesanato de Sabará começa nessa sexta

Licor, geleia, sorvete, vinho e molho de pimenta estarão à venda, além da própria fruta fresca. Trabalhos de artesãos locais e shows completam a programação, que termina domingo

Produção de jabuticaba deste ano ficou abaixo do esperado em Sabará, mas não faltará fruta para o festival (Sidney Lopes/EM)

Produção de jabuticaba deste ano ficou abaixo do esperado em Sabará, mas não faltará fruta para o festival

.

Sabará promove esta semana a 29ª edição de seu Festival da Jabuticaba (associado a 13ª Feira do Artesanato), com venda da fruta fresca, seus derivados e artesanato em quase 60 estandes, de sexta a domingo. Barracas de comidas variadas, além de shows (Aline Calixto cantará sábado à noite), completam a programação do evento, promovido pela Secretaria Municipal de Turismo da cidade. Ao todo, são esperadas 60 mil pessoas.
.
“Com o atraso da chuva, não haverá aquela produção maciça de jabuticaba como esperávamos, mas não faltará a fruta in natura. Será o suficiente para o evento. Em outros municípios mineiros, soube que faltou fruta e até cancelaram festas”, afirma Júlio César Rocha, secretário de turismo de Sabará. Os produtores particioantes fazem parte da Associação dos Produtores de Derivados de Jabuticaba de Sabará (Asprodejas).
.
Licor, geleia, sorvete, vinho e molho de pimenta estão entre os derivados de jabuticaba à venda durante o evento – os preços variam entre R$ 4 e R$ 20. Só de venda de fruta fresca, serão 15 estandes. Os interessados em alugar pés de jabuticaba podem entrar em contato com a organização do evento, que tem contatos de cerca de 15 moradores da cidade cujos quintais têm pés carregados de frutas.
.

Antes realizado na Praça dos Esportes, o festival foi transferido para a Avenida Central (conhecida reta da Lagoa), no bairro Campo Santo Antônio, que fica próximo ao centro. O espaço, que conta com área coberta e mesas, tem capacidade para receber até 80 mil pessoas e, pela primeira vez, uma empresa cuidará de toda a organização dos estandes e da praça de alimentação.
.
Os estandes de artesanato terão trabalhos feitos por moradores da cidade, incluindo palma barroca, renda turca de bicos, imagens, quadros sacros e oratórios, entre outros. Os horários do festival são os seguintes: sexta, das 17h à 1h; sábado, das 10h à 1h; e domingo, das 9h às 20, sempre com entrada franca. Informações: (31) 3674-3021.

.

FONTE: Estado de Minas.

Anúncios