Menino Jesus em tamanho real é roubado de presépio em Caratinga

Imagem era exposta há mais de 20 anos na cidade.
CDL registrou Boletim de Ocorrência e pede a devolução da peça.

Cartazes foram colados nas peças do presépio pedindo a volta do menino Jesus (Foto: Willians de Freitas/ Arquivo Pessoal)
Cartazes foram colados nas peças do presépio pedindo a volta do menino Jesus

Um presépio montado em frente ao Fórum de Caratinga, no Leste de Minas, sofreu um ato de vandalismo; o Menino Jesus foi roubado. O presépio montado com peças em tamanho real é exposto há mais de 20 anos pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL). Nesta quarta-feira (30)  uma campanha foi iniciada para tentar recuperar a principal peça da exposição.

Funcionários do Fórum sentiram falta do Menino Jesus na tarde dessa terça-feira (29) e alertaram os responsáveis pelo presépio. A gerente operacional da instituição, Grazielle Pousas, conta que o fato deixou tristes todos os funcionários da entidade. Um boletim de ocorrência pelo roubo da peça foi registrado, mas a gerente espera que a campanha ajude a recuperar o objeto.

Entidade pede a devolução da imagem roubada (Foto: Willians de Freitas/Arquivo Pessoal)Entidade pede a devolução da imagem roubada

 

“Estamos apelando à população para que a imagem seja devolvida. Se alguém tiver uma informação de onde está o menino Jesus, ou mesmo se a pessoa que levou tiver se arrependido e quiser devolver, que entre em contato com a gente. Tudo pode ser feito de forma anônima, não vamos levar ninguém na polícia, só queremos a imagem de volta. Esse presépio é antigo e faz parte tanto da história da CDL como de Caratinga”, relata Grazielle.

O CDL não soube precisar a idade da imagem, mas o ex-presidente da CDL José Romero  Resende Carli afirma que há pelo menos duas décadas o presépio vem enfeitando a cidade. “Foi em uma das minhas gestões que nós compramos esse presépio, trouxemos lá de Santa Cantarina. Ele é feito de fibra de vidro, portanto é leve, fácil de carregar. Mas nós fazemos um apelo para que devolvam o menino Jesus. Isso é uma agressão à religiosidade das pessoas”, desabafa o ex-presidente.

José Romero conta que ao longo dos anos as imagens em tamanho real sempre foram expostas em locais públicos como no Fórum, Coreto e Prefeitura, mas que é a primeira vez que algo assim acontece. Ele também faz votos de que a peça seja devolvida.

“Hoje o espírito natalino foca apenas o Papai Noel, então o presépio é também uma maneira de contar para as crianças sobre o nascimento de Cristo. Precisamos que o espírito natalino vá além do lado comercial, que nos traga de volta esses valores da importância da família. Por isso é tão importante que essa imagem seja devolvida, ela tem um peso e uma tradição muito forte para todos nós”, destaca José Romero.

FONTE: G1.