Excelente iniciativa da profª Adriana Bicalho!! Curso elaborado com carga horária de 40 horas conforme recomenda o Conselho Nacional de Justiça!! Aproveitem a oportunidade!!

Foto de Jamine Bedram.

Você conhece a mediação de conflitos?

É uma forma de autocomposição de conflitos, onde as partes negociam, com a facilitação de um mediador, e encontram a solução para seus problemas.
A mediação é uma forma de solucionar conflitos de forma muito eficaz e é muito mais capaz de promover a paz social do que um processo judicial tradicional.
É pacificar através do diálogo e da cooperação!
O Novo CPC já abraçou a mediação de conflitos e esta é uma área do saber em franca expansão!

Um mediador, além de exercer a profissão, contribui com a harmonia da sociedade em que vive. Quer se especializar em mediação?

A UNIVERSO BH está oferecendo o Curso de Mediação aos sábados, de 14 de maio à 18 de junho. Um curso que fará você mudar seu olhar sobre o Direito e a vida!

Ah… Dizem alguns. Aos sábados?
Faço minhas as palavras de Roberto Shinyashiki:

“Não conheço ninguém que conseguiu realizar seu sonho, sem sacrificar feriados e domingos pelo menos uma centena de vezes.para obter um resultado diferente da maioria, você tem que ser especial. Se fizer igual a todo mundo, obterá os mesmos resultados.
Se você quiser atingir uma meta especial, terá que estudar no horário em que os outros estão tomando chope com batatas fritas.
Terá de planejar, enquanto os outros permanecem à frente da televisão.
Terá de trabalhar enquanto os outros tomam sol à beira da piscina.
A realização de um sonho depende de dedicação.”

As inscrições estão abertas e as vagas são limitadas!

“Mediação é um método extrajudicial, não adversarial, de solução de conflitos através do diálogo. É um processo autocompositivo, isto é, as partes, com o auxílio do mediador, superam o conflito sem a necessidade de uma decisão externa, proferida por outrem que não as próprias partes envolvidas na controvérsia. Ou seja, na mediação, através do diálogo, o mediador auxilia os participantes a descobrir os verdadeiros conflitos, seus reais interesses e a trabalhar cooperativamente na busca das melhores soluções. A solução obtida culminará num acordo voluntário dos participantes. A mediação consegue, na maioria das vezes, restaurar a harmonia e a paz entre as partes envolvidas, pois o mediador trabalha especialmente nas inter-relações. Na mediação, as soluções surgem espontaneamente, reconhecendo-se que a melhor sentença é a vontade das partes”.
EGGER. Justiça Privada: formas alternativas de resolução de conflitos.