BH tem 11 novos radares começando a funcionar nesta segunda, 06 Jun 2016

Maioria dos equipamentos está instalada no Barro Preto, Centro-Sul da capital mineira. Outros três fiscais eletrônicos tinham sido ligados semana passada

Paulo Filgueiras/EM/D.A PRESS

Os motoristas que transitam em Belo Horizonte devem ficar atentos. Dentro das duas licitações que vão levar o número de radares a 382 até o fim do ano na capital mineira, 14 novos equipamentos já estão funcionando na cidade, sendo 11 a partir de hoje e três desde a semana passada. Nove deles são de avanço de semáforo, dois fiscalizam as faixas exclusivas de ônibus, outros dois são do tipo conjugado, com capacidade para evitar excesso de velocidade e também para garantir a presença só dos ônibus nas pistas exclusivas, e mais um fiscaliza só os limites de velocidade.

Entre os equipamentos que obrigam os motoristas a respeitar a luz vermelha dos semáforos, a região mais contemplada é o Barro Preto, Centro-Sul de BH, com seis vigias em cruzamentos da Avenida do Contorno. O Centro da capital ganhou os outros dois, conforme a lista abaixo. O último radar de semáforo começou a funcionar semana passada e também está instalado em Venda Nova, na Avenida Vilarinho. Com o reforço, BH passa a contar com 189 controladores de semáforo.

Os motoristas de ônibus também ganham um apoio, já que quatro novos radares de faixa estão ativos, sendo três começando nesta segunda-feira e outro semana passada. Dos quatro, dois são do modelo conjugado, que também flagram excesso de velocidade.

A novidade é que um local de recorrente desrespeito de veículos de passeio até por desconhecimento e confusão da sinalização agora ganha um equipamento. É a entrada do Viaduto Nansen Araújo, na junção com a Avenida Oiapoque, no Hipercentro.

O elevado é exclusivo para coletivos, mas é comum a presença de carros no local, causando até acidentes. Em agosto do ano passado, duas pessoas ficaram feridas em uma batida de frente entre um carro e um coletivo do Move. Outra batida foi registrada em dezembro. Um ônibus do Move bateu em uma moto que seguia no viaduto, pela contramão, e o motorista ficou gravemente ferido.

Em janeiro do passado, outra batida deixou um rastro de destruição no mesmo elevado, onde uma caminhonete bateu de frente em um ônibus do Move. Agora, 57 radares fiscalizam faixas exclusivas em BH.

Dos 14 novos radares, o último equipamento registra apena os excessos de velocidade e está na Avenida Cristinao Machado.

Confira a localização dos novos equipamentos:

11 começaram a funcionar nesta segunda:

Avanço de semáforo

1) Avenida Carandaí esquina com Avenida Afonso Pena, sentido Bairro/Centro
2) Rua Mato Grosso esquina com Avenida do Contorno, sentido Barro Preto/Viaduto Leste
3) Rua Guaicurus esquina com Rua Espírito Santo, sentido Praça da Estação/Rodoviária
4) Avenida do Contorno esquina com Rua Mato Grosso, sentido Bairro/Centro
5) Avenida do Contorno esquina com Rua Paracatu (3 faixas), sentido Centro/Bairro
6) Avenida do Contorno esquina com Rua Paracatu (mais 3 faixas), sentido Centro/Bairro
7) Avenida do Contorno esquina com Rua Paracatu (3 faixas), sentido Bairro/Centro
8) Avenida do Contorno esquina com Rua Paracatu (mais 3 faixas), sentido Bairro/Centro

Invasão de faixa exclusiva de ônibus

9) Avenida Vilarinho, em frente ao número 1.840, sentido Centro/Bairro
10) Viaduto Nansen Araújo, na junção com a Avenida Oiapoque, sentido Centro/Bairro

Conjugado (Invasão de faixa + Excesso de velocidade)

11) Avenida Vilarinho, em frente ao número 1.300, sentido Centro/Bairro

Três começaram a funcionar semana passada, em 1º de junho

Conjugado (Invasão de faixa + Excesso de velocidade)

12) Avenida Vilarinho, em frente ao número 2.733, sentido Bairro/Centro

Excesso de velocidade

13) Avenida Cristiano Machado, em frente ao número 9.285, sentido Bairro/Centro

Avanço de semáforo

14) Avenida Vilarinho esquina com a Rua Cascalheira, sentido Bairro/Centro

.

FONTE: Estado de Minas.

Anúncios