Blog dos alunos da Universidade Salgado de Oliveira, Campus Belo Horizonte, Curso de Direito.

TIRO E QUEDA
Cautela
De outra feita e num sufoco financeiro dos diabos, numa sexta-feira 13 vendi dois tourinhos a um sujeito que só conhecia de vista

 

Eduardo Almeida Reis

Publicação: 13/06/2014 04:00

Será que alguém já se deu conta de que hoje é sexta-feira 13? É possível que o dia tenha passado despercebido, pelo tanto que se falou do jogo de ontem no Itaquerão. Sei que é bobagem, mas não gosto do 13 nem das sextas-feiras 13. Numa delas, passei parte da noite preso por briga de rua, idiota como todas as brigas de rua. Ninguém se machucou, mas é chato parar numa delegacia, 10 sujeitos bêbados depois de uma trombada no trânsito do Rio, cinco em cada automóvel, um Citroën e um Fusca. O condutor do nosso Citroën era editorialista do Globo, rapaz inteligentíssimo. No Fusca viajava um sujeito imenso, instrutor de artes marciais, apelidado Vermelho. Se resolvesse brigar, matar-nos-ia num átimo. Apesar de bêbado, foi quem acalmou as coisas, conduzindo os “inimigos” para a delegacia: de bonde, porque os dois carros ficaram quebrados.


De outra feita e num sufoco financeiro dos diabos, numa sexta-feira 13 vendi dois tourinhos a um sujeito que só conhecia de vista. Pagamento com um cheque assinado por ele apoiando o talão na capota do carro. Voltei para a fazenda achando que minha cisma com as sextas-feiras era bobagem. Dia seguinte, sábado, o comprador me telefonou pedindo que rasgasse o cheque: tinha desistido da compra. Ainda me lembro de que o pedido era para “assustar” o cheque. 

Chamadas
 Segunda-feira, pouco depois das seis da matina, resolvi copiar as chamadas do provedor Terra para publicar sem comentários. Penso, e o leitor concordará comigo, que as chamadas são ótimas para dar ideia do mundo em que vivemos, do que é ou não é notícia, dos assuntos que devem ser do interesse dos internautas brasileiros. Em duas horas de consultas selecionei as seguintes: De pernas de fora, Sabrina Sato lambe o próprio pé em ensaio; Após sucesso de esmalte azul, G. Antonelli troca de cor; Bruna Marquezine e Neymar estão namorando escondido; Fernanda Paes Leme posa só de calcinha para revista; Castração de gatas: saiba como funciona e os benefícios; Maísa, do SBT, sonha em conhecer 25 de Março; Desafio do Amor é harmonizar duas realidades, diz vidente; Angélica e Luciano Huck vão à praia com a filha Eva.


Pronto: diante da notícia de que Angélica e Luciano Huck foram à praia com a filha Eva, achei que podia parar de transcrever literalmente as chamadas. Nada mais importante, neste ano da Copa das Copas, do que a ida à praia de Angélica e Luciano Huck com a filha Eva, ainda mais importante do que as notícias de que Sabrina Sato lambeu seu próprio pé e G. Antonelli trocou a cor do esmalte.

Horários
Um programa de tevê veiculado aos sábados depois de meia-noite, mais precisamente aos cinco minutos dos domingos, não é feito para ser assistido. Ou os telespectadores estão dormindo ou saíram de casa para curtir a noitada, considerando que podem acordar mais tarde aos domingos. 
É o que vem acontecendo com as entrevistas do Roberto D’Ávila, quase sempre boas. Pena que a GloboNews não anuncie exaustivamente os horários alternativos, em horas educadas, para que o telespectador, que ela chama de “assinante”, possa dar um jeito de assistir ao programa. Aos sábados, logo depois de meia-noite, não dá, a não ser para meia dúzia de cavalheiros e damas insones, que devem ser minoria.

O mundo é uma bola 

13 de junho de 1373: Portugal assina com a Inglaterra a Aliança Luso-Britânica, a mais antiga aliança entre nações ainda em vigor. Baseado na Wikipédia, escrevi diversas vezes sobre essa aliança, o que me faz supor que as assinaturas tenham diversas datas. Dia desses, tivemos em Ouro Preto uma reunião de juristas da América Latina, que inspirou o repórter da rádio que ouço na falta de sinal da CBN a falar de “juristas latinos-americanos”. Furioso com o plural de latino-americano, desliguei o rádio. Está ficando difícil. Ainda bem que a Aliança Luso-Britânica continua em vigor.


Em 1569, também no dia 13 de junho, o corsário inglês Francis Drake fracassa ao atacar a cidade de Lisboa. Considerando que Lisboa fica em Portugal e Sir Francis Drake, corsário, navegador, pirata famoso, político da era elisabetana e vice-almirante do Reino Unido era inglês, sou levado a crer que a Aliança Luso-Britânica nunca foi confiável. O vice-almirante britânico morreu em janeiro de 1595 depois de um assalto fracassado a San Juan, Porto Rico. Causa mortis: afitamento, afito, borra, caganeira, câmaras, carreirinha, caseira, corredeira, corrução, destempero, ligeira, maculo, mal de bicho, piriri, reira, sedeca e/ou soltura.


Em 1808: criação do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Em 1859, o presidente Benito Suárez, do México, desapropriou todos os bens da Igreja, talqualmente o prefeito Eduardo Paes, do Rio de Janeiro, fez outro dia com alguns prédios da Rua da Carioca pertencentes ao Opportunity Asset Management. Grupo que pretendia, pelo aumento dos aluguéis, acabar com o Bar Luiz, cuja salada de batatas é patrimônio material da humanidade. Hoje é o Dia do Turista. 

Ruminanças

“Ganhar uma batalha é crer que se a ganhou” (Joseph de Maistre, 1753-1821).

 

 
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: