Blog dos alunos da Universidade Salgado de Oliveira, Campus Belo Horizonte, Curso de Direito.

TIRO E QUEDA
Velha novidade
“Só uma coisa é certa e o leitor pode anotar na agenda do seu iPhone 6: tudo terminará em águas de bacalhau”

 

Eduardo Almeida Reis

Publicação: 18/10/2014 04:00

Transcrevo a notícia como foi publicada no portal Terra: “Cientistas das universidades de Illinois e Cornell, nos Estados Unidos, fizeram um experimento bastante polêmico, mas não tanto quanto o resultado dele. O estudo tinha como objetivo descobrir se jantar com pessoas acima de peso pode te fazer comer mais, e a resposta é: sim.

Os pesquisadores utilizaram uma atriz que ‘se vestiu’ de obesa para comer junto com um grupo de estudantes, e pediu uma grande porção de comida. Logo após, o grupo foi convidado para servir um prato, que poderia ser escolhido entre salada e massa.

De acordo com o experimento, todos os estudantes que participaram, após observar o prato da atriz, optaram pela massa. Quando ela não estava presente, o grupo ficou mais inclinado a servir uma salada. ‘O propósito desse estudo foi saber se a presença de uma pessoa acima do peso influencia ou não no comportamento saudável de uma pessoa, e saber se os efeitos são medidos pela maneira como com essa companhia se servem’, disseram os autores do experimento.

A pesquisa foi relacionada a um estudo feito pela Universidade de Liverpool, em que nove em cada 10 pessoas abordadas não conseguiam dizer quando uma pessoa está acima do peso ideal. De acordo com os pesquisadores, quanto mais amigos obesos você tem, menos capacidade de identificação desse problema você terá”.

Além da “velha novidade”, a pesquisa dos cientistas de Illinois e Cornell tem um monte de besteiras. Que é “peso ideal”? Entre os maratonistas o peso ideal difere do peso ideal dos campeões em lançamento de discos – e todos são atletas profissionais. 

Velha novidade porque, no capítulo 15 “Normas para o sucesso da sua dieta” do meu livro A Dieta Inteligente, publicado em 1985, você pode ler o seguinte: FUJA DOS AMIGOS QUE ENGORDAM – A exemplo dos alimentos, alguns amigos são mais engordativos que os outros. É absolutamente necessário fugir deles nos primeiros dias de sua DIETA INTELIGENTE. Por quanto tempo? Vinte dias costumam ser suficientes.

Fuja, portanto, daqueles amigos que vivem descobrindo restaurantes fabulosos, bares fantásticos, salgadinhos mirabolantes, só falam em comida e não se importam com o problema da obesidade, já porque são gordos conformados, já porque não têm qualquer problema de excesso de peso.

A “novidade” dos cientistas americanos tem, portanto, no mínimo, 29 anos, considerando que meu livro foi publicado em 1985. Falou? 

Desespero – Pelo nível de muitos e-mails que tenho recebido, os petistas estão desesperados. Ofendem, inventam mentiras extensivas a minha família, dizem que fiz isto e aquilo, coisas que jamais cogitei, os ladrões perderam o rumo. Quero mais é que todos eles vão para as vênus vulgívagas que os pariram. Dixit.

Bacalhoada 

Circula na internet uma lista com os nomes dos políticos “agraciados” com a roubalheira da Petrobras. Já recebi de três fontes a mesma lista, que não repassei pelo seguinte motivo: nela encontrei os nomes de alguns conhecidos meus. Não diria amigos, mas conhecidos. Devo a um deles imenso favor. Outro me deve uma porção de favores e, quando foi eleito com um caminhão de votos, revelou-se incapaz de mandar uma secretária me telefonar para agradecer o que fiz por ele e dizer que estava em Brasília às ordens do “amigo”. Telefonema pro forma, apenas para manter as aparências: deve ter achado que era obrigação do philosopho acudir a mais de 40 consultas suas sobre frases e palavras usadas na campanha, bem como as quatro visitas que me fez em casa para perguntar sobre textos de santinhos, folders, faixas e outras peças eleitorais.

Em rigor, bastaria um telefonema de agradecimento dado pela secretária e pago pela Câmara: nada. Na lista do engenheiro Paulo Roberto Costa consta doação de R$ 300 mil para o referido político. Outros levaram mais e continuam soltos por aí. Só uma coisa é certa e o leitor pode anotar na agenda do seu iPhone 6: tudo terminará em águas de bacalhau. 

O Brasil é o maior consumidor de bacalhau salgado. Por maior que seja o consumo brasileiro, nada se compara à nossa capacidade de fazer que todos os crimes políticos terminem em águas de bacalhau. O pessoal do Mensalão, quase todo, já está em casa. 

O mundo é uma bola

18 de outubro de 1685: revogação do Édito de Nantes, documento histórico assinado em Nantes dia 13 de abril de 1598 por Henrique IV, rei da França, concedendo aos huguenotes a garantia de tolerância religiosa após 36 anos de perseguições e massacres por todo o país, com destaque para o Massacre da Noite de São Bartolomeu em 1572.

Em 1807, tropas francesas do general Junot invadiram a Espanha, o que significa dizer que se aproximaram de Portugal. Em 1968, John Lennon e Yoko Ono são presos em Londres portando drogas. Em 1944 nascia o dorense Nelson Freire, pianista de alta expressão mundial. E no ano 33 morreu Agrippina Maior, que não era feia, mas pariu Calígula, fruto de seu casamento com Germânico. Hoje é o Dia do Médico, do Pintor e do Estivador.

Ruminanças

“Depois da noite de quarta-feira, o Mineirão merece chamar-se Estádio Magalhães Galo” (R. Manso Neto).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: