Blog dos alunos da Universidade Salgado de Oliveira, Campus Belo Horizonte, Curso de Direito.

TIRO E QUEDA
Verdades   
Sei de diversos casos e conheci um desaparecido, que reapareceu alguns anos depois e pediu segredo sobre sua nova identidade


Eduardo Almeida Reis

Publicação:22/01/2015 04:00

Decepcionou-me o trabalho da Comissão Nacional de Verdade (CNV), que ocupou brasileiros alfabetizados, deve ter custado bom dinheiro e parece ter concluído com um hino ao regime militar: somente 191 mortos e 243 desaparecidos em mais de 20 anos de ditadura.

Vejamos: em São Paulo, de outubro a dezembro de 2014, desapareceram 2.614 pessoas. Soubemos disso pela polícia paulista, quando desapareceu aquele médico capixaba que foi lançar a segunda edição de um livro seu na Assembleia Legislativa de SP. Se em três meses democráticos, num só estado, desaparecem 2.614 pessoas, é sinal de que não desapareceu ninguém nos 20 Anos de Chumbo. Releva notar que muita gente some “por gosto”, para recomeçar a vida com outro nome em outro lugar. Sei de diversos casos e conheci pessoalmente um desaparecido, que reapareceu alguns anos depois e pediu segredo sobre sua nova identidade, quando reconhecido num aeroporto. Se não morreu, deve andar por aí.

Que dizer dos 191 mortos em mais de 20 anos, quando é sabido que só no ano de 2012, em plena democracia e no governo Dilma Vana Rousseff, o Brasil registrou no mínimo 49 mil homicídios, mas há quem fale, através da ONU, que foram 64 mil. Dos 191 constatados pela Comissão da Verdade, muitos foram em guerra revolucionária, isto é, terroristas que sonhavam implantar neste país grande e bobo uma democracia soviética, norte-coreana ou cubana.

Não li sobre a “tortura sexual científica” descoberta pela CNV, mas presumo que se trate de um espelho, lâmina de vidro ou de cristal, metalizada na face posterior e cuja face anterior é usada para refletir a luz e as imagens de objetos e pessoas.
Tropicália
Deu na tevê e não foi sobre os seres petistas, mas sobre os seres protistas, que, sabe o leitor, são do gênero Leishmania, da ordem dos cinetoplastídeos, que reúne espécies parasitas do homem e de alguns animais domésticos e silvestres. Causam diversas formas de leishmaniose.

Jovem médica americana e seu namorado assistiram à Copa 2014 em Manaus. De volta aos EUA, alguns meses depois desenvolveram feridas de mau aspecto, ela numa perna, ele na barriga. Ninguém conhecia a doença, mas, publicadas as fotos nos jornais, um estudante de medicina diagnosticou a leishmaniose. Medicados, o rapaz ficou bom, mas a médica ainda está em tratamento com horrível ferida no rosto.

Nosso jornal, na edição de 13 de dezembro, trouxe matéria pormenorizada sobre os insetos transmissores da leishmaniose encontrados pelo biólogo mineiro Gustavo Mayr de Lima Carvalho nas cavernas e grutas de MG, especialmente nas regiões turísticas. Os seres protistas ganharam as folhas norte-americanas fazendo concorrência aos seres petistas, pepistas e peemedebistas que destruíram a Petrobras. Doenças tropicais não são flores que se cheirem. Sobrevivente de 11 malárias, fiquei feliz com a notícia de que a adoção de mosquiteiros, em África, teria poupado as vidas de 4 milhões de pessoas nos últimos anos.

Projeto financiado pela Fundação Melinda e Bill Gates, redimindo o rapaz dos enguiços recentes do Microsoft Windows 7 que roda aqui no computador.

O mundo é uma bola
22 de janeiro: em 1462, descoberta a Ilha de São Vicente em Cabo Verde; em 1502, descoberta a Ilha de São Vicente no Brasil; em 1532, fundação da Vila de São Vicente, a primeira do Brasil. Algo me diz que hoje é o Dia de São Vicente.

Em 1506, o papa Júlio II criou a Guarda Suíça do Vaticano. Em 1808, chegada ao Brasil da família real portuguesa, transmigrada com a ocupação de Portugal pelas tropas napoleônicas. A Wikipédia fala em “fuga”, palavra forte; prefiro transmigração. Em 1957, Israel se retira da Península de Sinai. Em 2006, Evo Morales assume a presidência da Bolívia e Cavaco Silva é eleito presidente da República de Portugal. Aníbal António Cavaco Silva, um dos raros portugueses que não é Manuel, nasceu em Boliqueime, Loulé, dia 15 de julho de 1939. Boliqueime é uma freguesia do concelho de Loulé e fica lá embaixo no mapa de Portugal, sinal de que deve ser algarvia.

Em 1788, nasceu George Gordon Byron, 6º barão Byron, conhecido como Lord Byron, inglês que poetou: “O galo é o clarim das madrugadas”, verso absolutamente idiota. Confirmando minha suspeita, hoje é o Dia de São Vicente de Saragoça.

Ruminanças
“É uma verdade melancólica que mesmo grandes homens têm seus parentes pobres” (Dickens, 1812-1870).

 

TIRO E QUEDA
Eh São Paulo!
Há gente ótima que não produz nada que preste, de mesmo passo em que há gente péssima produzindo obras que nos encantam

 

Eduardo Almeida Reis

Publicação:21/01/2015 04:00

 

Com 11 ou 12 anos, passei o carnaval em Lindóia, um dos 11 municípios paulistas considerados estâncias minerais. Cidade entupida de paulistanos que cantavam “Eh São Paulo, eh São Paulo, São Paulo da garoa, São Paulo terra boa!”. Quando vejo a atual São Paulo nos telejornais me lembro daquela cantoria irritante para um carioca. É verdade que são transcorridos muitos e muitos anos, mas a capital paulista em 2015, salvo melhor juízo, é cidade inabitável, se bem que habitada por 10.886.518 pessoas. Considerada a região metropolitana, 38 municípios que circundam a capital, são 19 milhões de habitantes.

Os engarrafamentos do trânsito, que andavam pelos 200 quilômetros, alcançaram 682 na véspera do dia em que escrevo. Se não chove, falta água nas torneiras de 9 milhões de pessoas residentes na região metropolitana. Chovendo razoavelmente, cerca de 60mm, são bairros inteiros alagados, veículos tragados pelas águas dos córregos que se transformam em rios, centenas de casas invadidas pelas águas. Os moradores, que tinham pouco, perdem tudo que tinham.

Na roça fluminense, vivi um temporal de 86mm em duas horas: tinha pluviômetro e relógio. Subiu água num lugar onde não podia subir. E olhem que a roça não é pavimentada. Quando o governador Pezão do Rio de Janeiro tinha 11 anos, houve um temporal de 470mm em poucas horas na Serra das Araras, próxima de sua Piraí. Destruiu tudo. Até hoje não encontraram o acampamento de uma construtora e os mais de 60 operários que lá estavam.

Curioso é aquele vulcão do Havaí, o Kilauea, que agora cismou de despejar sua lava também para o interior, quando normalmente despeja para o mar. Do lado marítimo chove mais que 11 mil milímetros por ano em média, enquanto do lado oposto os plantadores de abacaxis têm que irrigar suas lavouras por falta de chuvas.

Autor e obra

Se o caro e preclaro leitor me permite um palpite, aqui vai: gostando de uma obra de arte, uma pintura, um livro, uma escultura, não procure saber da vida do autor. Procure outras obras dele, pinturas, livros, esculturas, músicas e evite saber quem é ou quem foi. Isso porque os fatos da vida do autor, cuja obra nos encanta, nem sempre são de nossa admiração e agrado. Há gente ótima que não produz nada que preste, de mesmo passo em que há gente péssima produzindo obras que nos encantam.

Atento à moderna lição de jornalismo sobre a necessidade de escrever palavras que todos entendem, como se existisse a figura do “todos” capaz de entender tudo, esclareço que escárnio é aquilo que é objeto de desdém, ironia ou sarcasmo.

Nessas andanças lexicais acabo de aprender que existe o verbo escarnir, o mesmo que escarnecer, entrado em nosso idioma no século 13: tratar ou considerar alguém ou algo com escárnio, com zombaria; troçar de alguém ou algo. Tchau e bênção procês todos.


O mundo é uma bola

21 de janeiro de 1276: eleição do papa Inocêncio V, nascido Pierre de Tarentaise na França em 1225. Seu pontificado durou somente cinco meses. Foi beatificado em 1878 por Leão XIII.
Em 1287, Minorca é conquistada pelo rei Afonso III de Aragão, que deve ter ficado muito contente com a conquista. Em 1525, fundação da Igreja Anabatista, dos cristãos sectários do anabatismo, ala radical da Reforma Protestante. São assim chamados porque os convertidos eram batizados na idade adulta, desconsiderando o batismo da Igreja Católica Apostólica Romana. Rebatizavam todos os que foram batizados ao nascer, crendo que o verdadeiro batismo só tem valor quando as pessoas se convertem conscientemente a Cristo.

Tenho três filhas Anas batizadas por exigência da mãe, que me obrigou a casar de fraque, melhor dizendo, de peço a palavra, na igreja carioca de Nossa Senhora de Bonsucesso. Cerimônia supimpa celebrada por um primo da noiva, bispo que andou perto de chegar a cardeal.

Em 1720, Suécia e Prússia assinam o Tratado de Estocolmo. Presumo que o leitor não se interesse por ele, como também não me interesso, mas ando apertado de falta de assunto e um tratado entre a Suécia e a Prússia, em 1720, deve ter tido alguma importância. Em 1793, foi executado o rei Luís XVI. Pouco tempo depois, Napoleão era imperador da França. Hoje é o Dia Mundial da Religião.

 Ruminanças

“Não se fale dos mortos, a não ser para dizer bem” (Quilão, século VI a.C.).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: