Blog dos alunos da Universidade Salgado de Oliveira, Campus Belo Horizonte, Curso de Direito.

TIRO E QUEDA
Divinas tetas
Despaisagem é tudo que discrepa do natural, como por exemplo: bem… deixa isso pra lá.

 

Eduardo Almeida Reis

Publicação: 26/07/2014 04:00

 

Laura Lima, sócia da galeria A Divina Carioca, fez uma despaisagem na Praia do Arpoador, em Ipanema, cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro. Ensina a respeitada artista que despaisagem “é a ideia de deslocar a vaca, que estava na montanha, para uma praia urbana, onde ela não estaria”. A PM foi chamada, mas Laura tinha todas as autorizações para botar a vaca Mimosa na areia. Foto colorida da Mimosa foi estampada numa coluna de jornal carioca feita por cinco belas jornalistas, que ocupa uma página inteira do respeitável diário lido pelo philosopho há mais de 50 anos.

Em rigor, despaisagem não se limita aos bovinos deslocados do seu hábitat. Em muitos parlamentos brasileiros, político honesto é despaisagem. Mulher bonita é despaisagem em certos ministérios. Despaisagem é tudo que discrepa do natural, como por exemplo : bem… deixa isso pra lá.

A coluna das cinco jornalistas estampou foto da Mimosa com a seguinte manchete: “Vaca de divinas tetas no Arpoador” e o philosopho, que manja de bovinos, identificou animal da raça schwitz, em português, suíço, cinza escuro. Procurando na foto, colorida e nítida, as divinas tetas da Mimosa, o mesmíssimo philosopho encontrou escroto róseo, saco musculocutâneo que contém os testículos e os epidídimos. Tudo bem: poderia ser vaca de uma só teta deformada por qualquer doença que tivesse eliminado as outras três, não fosse o fato de o bovino fotografado no Arpoador transportar sob a barriga, à frente das imaginárias tetas divinas, um pênis, órgão genital masculino dos vertebrados superiores que, nos mamíferos, é geralmente constituído por dois corpos cavernosos e um tubo central, por onde passa a uretra, tendo na sua extremidade a glande peniana, onde termina o meato urinário. Donde se conclui que é melhor não concluir nada e deixar como está para ver como é que fica. 

Arte 
O americano Jeff Koons, conhecido como “o mais famoso, caro e controverso artista da atualidade”, vendeu sua escultura Balloon dog por US$ 58,4 milhões, recorde obtido por artista vivo. Jeff nasceu em 1955 e tem oito filhos com duas mulheres, Cicciolina (de 1991 a 1998) e Justine Wheeler Koons. 

Cicciolina, mãe de Ludwig Maximillian Koons, como o leitor deve estar lembrado é o nome artístico da Ilona Staller, nascida em 1951, ativista política, ex-atriz pornô, cantora e escritora húngara naturalizada italiana. A escultura de 58,4 milhões de dólares lembra sete melancias espichadas, metálicas, esverdeadas e deve ter cinco metros de altura. Play-doh, escultura recém-terminada pelo artista, tem 3,3 metros de altura e foi comprada há 20 anos por um imbecil, colecionador em Los Angeles, que desde então esperava imbecilmente pela conclusão da obra.

Outro escultor americano, Richard Serra, nasceu em 1939 e é considerado “um dos artistas mais importantes do pós-guerra”. É irmão de Tony Serra e foi casado com Clara Weyergraf, morta em 1981. Como ninguém sabe quem é Tony Serra, informo que J. Tony Serra, nascido em 1934, is an American civil rights lawyer, activist and tax resister from San Francisco.

Richard, o brother escultor, trabalha com chapas de aço imensas, pesadíssimas, que requerem guindastes gigantescos e devem ser inamovíveis per omnia saecula saeculorum. Só uma coisa é certa: Amílcar de Castro (1920-2002), nascido Amílcar Augusto Pereira de Castro, não fosse pairosopolitano dos contrafortes da Mantiqueira, mas cidadão norte-americano, seria decerto o autor das esculturas mais valorizadas do planeta, porque dava de mil a zero em Richard Serra e de um milhão a zero no ex-marido de Cicciolina. 


O mundo é uma bola 

26 de julho: faltam 158 dias para acabar o ano e 138 dias para o mineiro tomar o rumo das deliciosas praias fluminenses, capixabas e baianas de numeroso pernilongo, abundante colchonete e imensa fila para comprar água mineral. O que é de gosto regala a vida, já diziam nossos avós.

Em 1139, Afonso, então conde portucalense, é aclamado rei de Portugal e proclama a independência em relação ao Reinu de Llión, que, como aprendi agora, existiu de 910 a 1230. Foi um dos antigos reinos ibéricos surgidos no período da reconquista cristã, quando foi independente de 910 a 1037, sob o domínio da casa Leonesa, de 1065 a 1072, sob o domínio da casa de Navarra, e de 1157 a 1230, sob o domínio da casa de Borgonha.

Em 1520, por alvará régio de dom Manuel I, de Portugal, é fundada a Santa Casa da Misericórdia da Vila de Torres Vedras, na sequência da fundação da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Ainda outro dia, tivemos notícia do flibusteiro provedor da Santa Casa do Rio de Janeiro, que ficou milionário vendendo imóveis pertencentes à instituição de caridade. 

Em 1788, Nova York torna-se o 11º estado norte-americano depois de ratificar a constituição do país. A cidade de Nova York é um dos destinos turísticos dos mineiros, que se dividem entre o litoral brasileiro, NY e Miami, não raras vezes viajando em jatinhos sem escalas, o que é chique a valer. Hoje é o Dia do Arqueólogo, do Moedeiro e dos Avós. Aguardo telefonema dos netos.


Ruminanças 

“Perder tempo com Dunga, Marin e Del Nero é desrespeitar os leitores e os telespectadores.” (R. Manso Neto)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: