Antequam noveris, a laudando et vituperando abstine. Tutum silentium praemium.

Arquivo da tag: batalhão copa

Ampliação de sistema da Copasa vai deixar 1,6 mi de consumidores sem água no sábado

A falta de abastecimento vai atingir moradores de Belo Horizonte e de 11 municípios da região metropolitana. Companhia informou que a Grande BH não corre risco de desabastecimento por causa da estiagem

água

Obras para a ampliação do sistema de produção de água Rio Manso vai deixar Bairros de Belo Horizonte e outros 11 municípios da região metropolitana sem água no próximo sábado. Ao todo, 1,6 milhão de pessoas serão atingidas. A medida, anunciada nesta terça-feira pela Copasa, foi adiantada em seis meses por causa da estiagem que atingiu a Região Sudeste do Brasil. A companhia afirmou que não há risco, até o momento, da Grande BH passar por racionamento. 

 VEJA TAMBÉM: O QUE FUNCIONA OU NÃO NO DIA DE FINADOS!

A falta de água vai começar no início da noite de sábado. A previsão é que o abastecimento seja normalizado ao longo do dia de domingo.
O serviço de ampliação foi estimado em R$ 500 milhões por meio de contrato de Parceria Público-Privada. As obras serão para a ampliação da estação de tratamento de água, das elevatórias de água bruta e tratada, adequação das subestações elétricas, duplicação da adutora de água tratada de aproximadamente 16 quilômetros, construção de uma central geradora de energia elétrica, além de reservatórios. 

Com a duplicação da adutora, a Copasa vai ampliar em aproximadamente 300 litros por segundo a oferta de água tratada para a capital mineira e municípios da região metropolitana. Essa será a primeira etapa do projeto, que vai aumentar de 4 para 5,4 metros cúbicos por segundo a produção total do sistema. 

A previsão que se construa um moderno centro de operação regional com tecnologia de ponta. Ele será conectado ao Centro de Operações de Sistemas (COS) da Copasa. Depois da implantação, ações operacionais poderão ser feitas com mais agilidade.

Veja os bairros e municípios atingidos

BELO HORIZONTE

REGIÃO NOROESTE – Caiçara, Caiçara Adelaide, Cabana, Califórnia, Conjunto Califórnia, Camargos, Coqueiros, Engenho Nogueira, Filadélfia, Glória, Jardim Montanhês, Monsenhor Messias, Padre Eustáquio, Pedro II, Patrocínio, Pindorama, São José e São Salvador;

REGIÃO NORTE – Bandeirantes, Braúnas, Castelo, Céu Azul, Enseada das Garças, Esplendor, Garças, Jardim Leblon, Jardim dos Comerciários, Mantiqueira, Nova York, Nova Pampulha, Ouro Preto, Paquetá, Santa Terezinha, Serrano, Trevo e Xangrilá; 

REGIÃO SUDOESTE – Araguaia, Antônio Teixeira Dias, Araguaia, Bairro das Indústrias, Barreiro de Baixo, Barreiro de Cima, Betânia, Brasil Industrial, Bonsucesso, Buritis, Cabana, Cardoso, Cinqüentenário, Conjunto Bonsucesso, Conjunto Betânia, Conjunto Habitacional Átila de Paiva, Conjunto Ademar Maldonado, Conjunto Getúlio Vargas, Conjunto João Paulo II, Conjunto Túnel de Ibirité, Cristo Redentor, Diamante, Durval de Barros, Estoril, Estrela Dalva, Estrela do Oriente, Flávio Marques Lisboa, Gameleira, Havaí, Ipiranga, Itaipu, Jatobá, Lindéia, Jardim América, Jardinópolis, Madre Gertrudes, Mansões, Marajó, Marilândia, Maringá, Milionários, Miramar, Morro das Pedras, Nosso Lar, Nova Barroca, Nova Cintra, Nova Gameleira, Olaria, Novo das Indústrias, Palmeiras, Parque São José, Pongelupe, Regina, Resplendor, Salgado Filho, Santa Cecília, Santa Cruz, Santa Helena, São Joaquim, Sical, Serra do José Vieira, Solar, Teixeira Dias, Tirol, Urucuia, Vila Conquista, Vila Cemig, Vila Leonina, Vila Magnesita, Vila Patrocínio, Vila Pinho, Vila Presidente Vargas, Vila Vânia, Vila Ventosa e Vista Alegre;

REGIÃO SUL – São Bento e Santa Lucia

BETIM – Arquipélago Verde, Bandeirinhas, Campos Elíseos, Capelinha, Chácaras Reunidas Guaracyaba, Cruzeiro, Distrito Industrial Bandeirinhas, Duque de Caxias, Estâncias do Sereno, Guanabara, Icaivera, Industrial São Luiz, Jardim Piemonte, Petrovale, PTB, Santa Cruz, São Caetano, São Luiz, São Miguel, Vila Andorinha, Vila Cristina, Vila Kennedy, Vila Universal e Vila Verde.

CONTAGEM – Todo o município, exceto:

REGIÃO NOVA CONTAGEM – Colonial, Condomínio Nosso Rancho, Darci Ribeiro, Icaivera, Nova Contagem, Novo Retiro, Retiro, Tupã, Vila Estaleiro e Vila Renascer;

REGIÃO DO PETROLÂNDIA – Beija Flor, Canadá, Campo Alto, Olhos D’água, Petrolândia, Quintas do Jacuba, Recreio dos Caiçaras, Santa Helena, São Caetano, São Miguel, Solar da Madeira, Tropical, Vila Belém e Vila Cristina.

IBIRITÉ – Bela Vista, Cascata, Colorado, Jardim das Rosas, José do Prado, Montreal, Mantiqueira, Ouro Negro, Palmares, Parque Durval de Barros, Petrolina, Piratininga, Serra Dourada, Sol Nascente, Vila Ideal e Washington Pires.

IGARAPÉ – Todo município.

MÁRIO CAMPOS – Todo município.

PEDRO LEOPOLDO – Todo o município, exceto os Bairros Fidalgo e Sumidouro.

RIBEIRÃO DAS NEVES – Todo o município.

SÃO JOAQUIM DE BICAS – Todo município.

SÃO JOSÉ DA LAPA – Todo o município.

SARZEDO – Todo município.

VESPASIANO – Bela Vista, Bom Sucesso, Célvia, Condomínio Mangueira, Jardim Encantado, Jardim da Glória, Jequitibá, Morro Alto, Morro do Cruzeiro, Morro Quaresma, Nova Iorque 4ª Sessão, Nova Pampulha, Novo Horizonte, Parque Jardim Maria José, Parque São Pedro, Pouso Alegre, Santa Maria, Santa Cruz, Vida Nova e Vila Esportiva.

 

Dia sem água na Grande BH
Corte para obras no sistema Rio Manso vai atingir 115 bairros da capital e 11 cidades da região metropolitana.
Normalização no fornecimento amanhã será gradual

 

 

O sistema Rio Manso, em Brumadinho, terá capacidade ampliada (Jackson Romanelli/EM/D.A Press - 27/6/11)
O sistema Rio Manso, em Brumadinho, terá capacidade ampliada

Consumidores de 115 bairros de Belo Horizonte e de outras 11 cidades da região metropolitana vão ficar sem água até amanhã. De acordo com a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), cerca de 1,6 milhão de pessoas serão afetadas. A água voltará de forma desigual, ao longo de amanhã. O corte é para permitir obras de ampliação do sistema de produção de água Rio Manso, que foram adiantadas em seis meses por causa da estiagem que atingiu a Região Sudeste do Brasil.

Além dos bairros das regiões Noroeste, Norte, Oeste, Barreiro e Sul de BH, serão atingidos 24 bairros de Betim, 24 de Contagem, 20 de Vespasiano e 16 de Ibirité. Os municípios de Igarapé, Mário Campos, Pedro Leopoldo, Ribeirão das Neves, São Joaquim de Bicas, São José da Lapa e Sarzedo terão o fornecimento completamente cortado para a operação. Segundo a Copasa, não há risco de desabastecimento ou de racionamento.

Por meio da duplicação de 4,5 quilômetros da adutora do Sistema de Produção Rio Manso, a Copasa ampliará em cerca 300 litros por segundo a oferta de água tratada em BH e região metropolitana. Essa é a primeira etapa do projeto, que pretende aumentar a produção total do sistema de 4m para 5,8m cúbicos por segundo e duplicar 16 quilômetros da adutora. O projeto de ampliação do sistema Rio Manso tem o custo de R$ 500 milhões e está sendo feito por meio do contrato de parceria público-privada firmado entre a Copasa e a Odebrecht Ambiental, braço do Grupo Odebrecht na área de saneamento.

FONTE: Estado de Minas.


PM apresenta Batalhão Copa que vai atuar com 3 mil policiais no Mundial
Batalhão está em treinamento e começa a atuar dia 12 de junho. O grupo vai ser dividido em seis companhias

 

 

 (Leandro Couri/EM DA Press)

A Polícia Militar (PM) começou nesta segunda-feira a preparar o efetivo que vai atuar com 2.865 militares durante o Mundial em Belo Horizonte. A equipe, chamada de Batalhão Copa, realiza hoje um treinamento no Mineirão. O mesmo será feito em outros locais de atuação durante o mundial. No dia 7 de junho termina a fase de treinos e no dia 12 as operações do batalhão começam oficialmente.


O grupo é formado por policiais que frequentaram cursos da Academia da PM. O grupo vai ser dividido em seis companhias para atuar no Mineirão e centros de treinamento das seleções; Fan Fest no Expominas; pontos turísticos (praças do Papa e Liberdade, além de Savassi e Pampulha); aeroportos e hotéis; terminais de estações de mobilidade urbana (rodoviária, BRT, BHBus, metrô); recobrimento (equipe de standby para ajudar as outras companhias).

A equipe formada em 2014 é semelhante ao batalhão que trabalhou na Copa das Confederações. No entanto, em 2013 o efetivo era menor, composto por 1.580 policiais. De acordo com o comandante, tenente-coronel Hércules de Paula Freitas, o treinamento dos policiais é realizado para nivelar o conhecimento do efetivo para atuar na Copa. 

O treinamento compreende desde noções básicas para recepcionar bem os turistas até orientações para atuar como reforço em operações de controle de distúrbios. O Comando de Policiamento Especializado (CPE) será responsável por esses casos, mas poderá contar com reforço do Batalhão Copa. 

O comandante da PM, coronel Márcio Martins Sant’Ana, comentou a visita que os militares farão ao Mineirão. “O treinamento de hoje vai propiciar o conhecimento dos policiais em um dos locais que vão prestar serviços”.

FONTE: Estado de Minas.


%d blogueiros gostam disto: