Antequam noveris, a laudando et vituperando abstine. Tutum silentium praemium.

Arquivo da tag: culto

Homem morre atingido por bala perdida durante culto em Santa Luzia

Briga começou na rua e tiro matou a vítima que estava na igreja.
Os três homens que provocaram o tiroteio fugiram.

 bala-perdida

Um homem de 38 anos morreu atingido por bala perdida dentro de uma igreja evangélica, na noite deste domingo (11), na Rua Maria Augusta Reis, no bairro Santa Rita de Cássia, em Santa Luzia, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

De acordo com a Polícia Militar (PM), uma confusão na rua começou porque um homem se desentendeu com a ex-mulher por ela estar acompanhada por dois rapazes. Ela ainda teria sido agredida publicamente.

Na briga, tanto o ex quanto os homens iniciaram um tiroteio e uma das balas acertou a vítima que participava do culto. Os três homens que provocaram o tiroteio fugiram. Até a publicação desta reportagem, nenhum havia sido preso.

 

FONTE: G1.


Danos morais

Igreja Universal é condenada a indenizar fiel

Mulher fez depósito no valor de R$ 10 mil numa conta bancária da igreja na crença de que seus problemas familiares e financeiros seriam resolvidos.

universal

O juiz de Direito Mario Cunha Olinto Filho, da 2ª vara Cível da Barra da Tijuca, condenou a Igreja Universal do Reino de Deus – IURD  a indenizar uma fiel levada a fazer doação para o “Culto da Fogueira Santa”. A autora da ação fez um depósito no valor de R$ 10 mil numa conta bancária da igreja na crença de que seus problemas familiares e financeiros seriam resolvidos. A IURD terá que devolver os R$ 10 mil depositados e mais R$ 10 mil a título de indenização moral, sendo os valores acrescidos de juros e correção monetária.

Na sentença, o juiz assinalou que a fiel encontrava-se “com o casamento se dissolvendo e, embora devendo cotas de condomínio e a escola dos filhos, resolve, por conta das promessas da ré (IURD), ‘doar’ R$ 10.000,00 para o ‘Culto da Fogueira Santa’, para ter as prometidas vitórias”.

O dinheiro – continuou o juiz – evidentemente não foi para a fogueira, embora possamos dizer metaforicamente que a autora torrou suas verbas: foi evidente para os bolsos dos organizadores da igreja, não sendo de forma alguma desconhecido do público – inclusive diante de inúmeras reportagens jornalísticas – serem escolhidos por critérios que envolvem a capacidade em arrecadação”.

  • Processo: 040 2490 10 2009 8.19. 0001

FONTE: Migalhas.



%d blogueiros gostam disto: