Antequam noveris, a laudando et vituperando abstine. Tutum silentium praemium.

Arquivo da tag: relação

Cerca de 200 bairros de Belo Horizonte ficarão sem água neste domingo

Interrupção no abastecimento também afetará Nova Lima, Raposos, Sabará e Santa Luzia.

Cerca de 200 bairros de Belo Horizonte vão ficar sem água neste domingo (25). A interrupção no abastecimento também afetará Nova Lima, Raposos, Sabará e Santa Luzia, na Região Metropolitana.

De acordo com a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), o corte ocorrerá a partir das 6h para manutenção preventiva no Sistema Produtor de Água Rio das Velhas, em Nova Lima. No domingo, também será realizada manutenção no sistema elétrico da elevatória de água tratada São Lucas, na capital.

A previsão da Copasa é que os serviços sejam concluídos até as 16h e que o abastecimento de água será normalizado, gradativamente, até a madrugada de segunda-feira (26). Veja a lista de locais afetados.

Belo Horizonte

Aarão Reis, Aeroporto, Alto Barroca, Alto Colégio Batista, Alto Vera Cruz, Álvaro Camargo, Alvorada, Alípio de Melo, Anchieta, Aparecida, Aparecida 7ª Seção, Baleia, Bandeirantes, Barro Preto, Barroca, Belmonte, Betânia, Boa Vista, Bom Jesus, Bonfim, Borges, Cachoeirinha, Caetano Furquim, Cafezal, Caiçara, Calafate, Campus da UFMG, Caparaó, Capitão Eduardo, Carlos Prates, Carmo, Casa Branca, Castanheira, Celeste Império, Celso Machado, Centro, Chácaras Montevidéu, Cidade Jardim, Cidade Nova, Cidade Universitária, Cinquentenário, Colégio Batista, Concórdia, Conjunto Betânia, Conjunto Califórnia, Conjunto Felicidade, Conjunto Itacolomi, Conjunto Novo Aarão Reis, Conjunto Ribeiro de Abreu, Conjunto Santa Maria, Conjunto Santos Dumont, Coração de Jesus, Cruzeiro, Da Graça, Das Mansões, Dom Bosco, Dom Joaquim, Dom Silvério, Dona Clara, ETE/Arrudas, Ermelinda, Esplanada, Estoril, Estrela Dalva, Eymard, Fazendinha (Aglomerado da Serra), Fernão Dias, Flamengo, Floresta, Frei Eustáquio, Funcionários, Gameleira, Glória, Goiânia, Gorduras, Gorduras de Cima, Grajaú, Granja, Werneck, Guarani, Gutierrez, Havaí, Heliópolis, Horto, Humaitá, Inconfidência, Indaiá, Industrial Rodrigues da Cunha, Instituto Agronômico, Ipanema, Ipiranga, Jaraguá, Jardim América, Jardim Pirineus, Jardim Taquaril, Jardim Vitória, Jardim das Rosas, Jardinópolis, Jonas Veiga, Lagoinha, Liberdade, Lourdes, Luxemburgo, Maria Goretti, Maria Virgínia, Mariano de Abreu, Minas Brasil, Minaslândia, Modelo, Monsenhor Messias, Monte Azul, Morro das Pedras, Morro do Papagaio, Nazaré, Nossa Senhora da Saúde, Nossa Senhora de Fátima, Nova Barroca, Nova Cachoeirinha, Nova Esperança, Nova Floresta, Nova Granada, Nova Suíssa, Nova Vista, Novo Aarão Reis, Novo Alvorada, Novo São Lucas, Ouro Preto ,Padre Eustáquio, Palmares, Pampulha, São José, Paraíso, Parque Riachuelo, Patrocínio, Paulo VI, Pedreira Prado Lopes, Pedro II, Pindorama, Pirajá, Pompéia, Pousada Santo Antônio, Prado, Prado Lopes, Primavera, Primeiro de Maio, Primeiro de Novembro, Progresso, Providência, Recreio, Renascença, Ribeiro de Abreu, Rodrigues Cunha, Sagrada Família, Salgado Filho, Santa Efigênia, Santa Cruz, Santa Inês, Santa Lúcia, Santa Maria, Santa Rosa, Santa Tereza, Santa Terezinha, Santo Agostinho, Santo André, Santo Antônio, Saudade, Savassi, Senhora dos Passos, Serra, Silveira, Sion, Sumaré, Suzana, São Bento, São Bernardo, São Cristóvão, São Francisco, São Gabriel, São Geraldo, São Gonçalo, São José, São João Batista, São Lucas, São Luiz, São Marcos, São Paulo, São Pedro, São Salvador, Tabelião Ferraz, Taquaril, Tupi, Universitário, União, Vera Cruz, Vila Brasília, Vila Canadá, Vila Indaia, Vila Ipê, Vila Luiz Abreu, Vila Luiz de Abreu, Vila Maria Aparecida, Vila Maria Virgínia, Vila Maura, Vila Mauá, Vila Nossa Senhora da Penha, Vila Santa Maria, Vila Santo Agostinho, Vista do Sol e Vila Silveira

Nova Lima

Sede do município, exceto a região do Seis Pistas, Jardim Canadá e Macacos

Raposos

Todo o município

Sabará

Todo município, exceto distrito de Ravena

Santa Luzia

Todo município, exceto a região do São Benedito

.

FONTE: G1.


Mapa identifica 45 marcas de azeite fraudados

Irregularidades são praticadas por envazadoras que misturam óleos vegetais a derivado de azeite impróprio para consumo

Irregularidade mais comum é a mistura de óleos com azeite impróprio para o consumo

Irregularidade mais comum é a mistura de óleos com azeite impróprio para o consumo

 

 O Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) identificou irregularidades em 45 marcas de azeite entre 140 coletadas nos últimos dois anos. As amostras foram colhidas em 12 estados e no Distrito Federal, num total de 322.329 litros (dos quais 114.750 litros considerados conformes e 207.579 litros com problemas). A equipe de fiscalização inspecionou 279 amostras de 214 lotes. Do total, 38,7% dos lotes tinham problemas e 79% das irregularidades eram relacionadas a baixa qualidade (produto ruim vendido como bom).

A fraude mais comum praticada por empresas envazadoras é a utilização de óleo vegetal com azeite lampante, que tem cheiro forte e acidez elevada, (extraído de azeitonas deterioradas ou fermentadas) e que não deve ser destinado à alimentação. No Paraná, foram identificadas empresas que vendiam produto como azeite de oliva, mas com composição de 85% de óleo de soja e 15% de lampante. As fraudadoras foram autuadas, multadas em até R$ 532 mil por irregularidade encontrada e os produtos foram apreendidos para descarte. As empresas também foram denunciadas ao Ministério Público. O próximo passo é a abertura de inquérito policial.

Clique nos links abaixo para ver as listas completas.

Entre as  marcas que apresentaram irregularidades estão a Astorga, Carrefour, Almeirim, Conde de Torres, entre outras. E entre as marcas que passaram nos testes, encontram-se Andorinha, Aro, Apolo, Borges, Belo Porto, Carrefour Discount e outras.

O azeite de oliva virgem pode ser classificado em três tipos: o extra virgem (acidez menor que 0,8%), virgem (acidez entre 0,8% e 2%), lampante (acidez maior que 2%). Os dois primeiros podem ser consumidos in natura, mantendo todos os aspectos benéficos ao organismo. O terceiro, tipo lampante, deve ser refinado para ser consumido, quando passa a ser classificado como azeite de oliva refinado. A análise é complexa, exige treinamento e equipamentos sofisticados. As análises também apontaram azeites desclassificados (que podem não ser considerados como azeite) e fora de tipo (não tem boa qualidade).

Os estados onde foram registradas mais irregularidades foram São Paulo, Paraná, Santa Catarina e o Distrito Federal, onde se concentram o maior número de empresas que envazam o produto. Os envazadores, que importam a granel, principalmente da Argentina, foram os que apresentaram maiores irregularidades.

Segundo o secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, Luis Rangel, os resultados obtidos com a fiscalização do azeite de oliva demonstram a eficiência das ações de fiscalização, evitando que esses produtos cheguem à mesa do consumidor”. As análises são realizadas pelos Laboratórios Nacionais Agropecuários (LANAGRO) do Rio Grande do Sul e de Goiás.

O Mapa intensificou a fiscalização de azeite de oliva, desde a semana passada, coletando amostras direcionadas, junto às empresas que apresentaram irregularidades nos últimos dois anos. Os resultados de 2017 serão divulgados posteriormente. Apenas na primeira semana de abril de 2017, foram recolhidos 243 mil litros do produto com suspeita de fraude.

O Brasil é o terceiro maior importador de azeite de oliva do mundo, segundo dados do Comitê Oleícola Internacional (COI). Em 2016, importamos cerca de 50 milhões de toneladas do produto.

Dicas
Para o consumidor evitar ser enganado, a primeira coisa na qual deve prestar atenção é o preço: desconfie se estiver muito abaixo do padrão. Verificar no rótulo o local em que foi envazado, se no país de origem, por exemplo, pode dificultar fraude, como misturas. Além disso, especificações como o termo tempero em letras miúdas e, em destaque, azeite de oliva. Não se trata de azeite adicionado de especiarias, mas de tempero vendido como azeite de oliva. Qualquer adição ou mistura com outros óleos vegetais requer que o produto seja rotulado como “Óleo misto ou composto”, devendo o consumidor ser obrigatoriamente informado sobre os percentuais que compõem a mistura. Também é importante estar atento à data de validade e aos ingredientes contidos.

.

FONTE: MAPA.


Juiz nega vínculo de motorista com Uber

 

Condutor a serviço do aplicativo em BH: decisão entende relação com a empresa como eventual
 (Rodrigo Clemente/EM/D.A Press - 19/5/16)
A Justiça do Trabalho de Belo Horizonte negou pedido de reconhecimento de vínculo empregatício entre motorista parceiro do Uber e a empresa baseada em aplicativo para celular. O juiz substituto Filipe de Souza Sickert entendeu que é oferecido um serviço de tecnologia e não de transporte, e que há eventualidade na prestação do serviço. A ação foi movida por um ex-condutor, no início de dezembro do ano passado, pedindo direitos trabalhistas por ter sido dispensado sem motivo, segundo ele, depois de pouco mais de cinco meses como colaborador.
.
No processo, o condutor alegou que chegou a trabalhar de 10 a 11 horas por dia, em horários variados, de acordo com a demanda por clientes, especialmente no horário noturno. Pelo trabalho, ele afirmou que recebia, semanalmente, valor médio de R$ 504,42. Ressaltou ainda que ao longo do período em que atuou como motorista percebeu que não detinha toda autonomia para o exercício da atividade e que o sistema implantado “não permitirá jamais uma remuneração justa pelo extenuante trabalho”.
.
O autor da ação acrescentou ainda que, por meio do aplicativo, o Uber controla o serviço de transporte, fixa a tarifa, recebe o valor pago pelo cliente e repassa semanalmente as quantias recebidas dos passageiros para o motorista contratado, retendo 25% ou 30% do total. De acordo com a sentença, na audiência, o condutor mencionou decisões judiciais de outros países para requerer reconhecimento de vínculo de emprego, com carteira assinada e pagamento da Previdência Social. Pediu ainda as multas previstas em caso de dispensa do trabalhador, horas extras, adicional noturno e remuneração por domingos e feriados trabalhados, alimentação e cesta básica, entre outras reivindicações.
.
No exterior, a controvérsia também existe, mas a Justiça de alguns países, entre eles Reino Unido e Estados Unidos, reconhece vínculo trabalhista entre motoristas e o Uber. No ano passado, o tribunal trabalhista de Londres fixou entendimento de que condutores que dirigem pelo aplicativo são funcionários da empresa, e não profissionais autônomos. Na ocasião, a empresa prometeu recorrer. Em 2015 houve decisão semelhante em São Francisco (EUA). A empresa perdeu ação coletiva movida por três motoristas que queriam ser reconhecidos como funcionários, e não como prestadores de serviço.
.
No processo que tramitou no Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, em Minas Gerais, a Uber afirma que não prestou serviços de transporte, não funciona como transportadora nem opera como agente para o transporte de passageiro. Em sua defesa, alegou ainda que o motorista não lhes prestou serviços, tratando-se de usuário da plataforma disponibilizada. A Uber do Brasil e a Uber Internacional, rés no processo, salientaram que os motoristas não lhes são subordinados, tratando-se de profissionais autônomos, sem nenhuma exclusividade.
.
“Argumentam que elas prestam serviço aos motoristas, consistente em, por meio de uma plataforma digital, incrementar a capacidade de eles angariarem passageiros. Salientam que o reclamante dirigia quando quisesse e que a única exigência para a manutenção da parceria com elas seria ‘a constante promoção de experiências positivas para os usuários’”, diz trecho da sentença. A defesa acrescenta que, depois de enviar a documentação, os motoristas aceitam as condições para o uso do aplicativo.
.
O juiz afirma na sentença que, de acordo com a CLT, “os pressupostos para a caracterização da relação de emprego são a pessoalidade, a subordinação jurídica, a onerosidade e a não eventualidade na prestação dos serviços. Apenas o somatório de todos esses pressupostos tem por consequência a caracterização do vínculo de emprego”. O magistrado concluiu que as provas apresentadas e os depoimentos do ex-motorista não caracterizavam essa relação.

.

FONTE: Estado de Minas.


BH e cidades da Região Metropolitana ficarão sem água neste domingo

Na capital, mais de 200 bairros serão afetados.
Motivo é um trabalho de manutenção no sistema Rio das Velhas.

 falta de água

Belo Horizonte e cidades da Região Metropolitana vão enfrentar interrupção no fornecimento de água neste domingo (3). Duzentos e vinte bairros da capital vão ser afetados, segundo a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa).

Nova Lima, Raposos, Sabará e Santa Luzia também vão ficar sem água a partir das 6h. A Copasa informou que o motivo é um trabalho de manutenção no sistema Rio das Velhas.

A previsão é que o fornecimento retorne ao poucos, ainda no domingo, depois de 16h. A companhia não informou quantas pessoas serão afetadas. Veja abaixo a lista de locais afetados.

Belo Horizonte
Aarão Reis, Aeroporto, Alípio de Melo, Alto Barroca, Alto Colégio Batista, Alto dos Pinheiros, Alto Vera Cruz, Álvaro Camargo, Alvorada, Anchieta, Aparecida 7ª Seção, Aparecida,  Barroca, Baleia, Bandeirantes, Barro Preto, Barroca, Belmonte, Betânia, Boa Vista, Bom Jesus, Bonfim, Bonfim, Borges, Cabana, Cachoeirinha, Caetano Furquim, Cafezal, Caiçara, Calafate, Califórnia, Camargos, Campus da PUC, Campus da UFMG, Caparaó, Capitão Eduardo, Carlos Prates, Carmo, Casa Branca, Castanheira, Celeste Império, Celso Machado, Centro, Chácaras Montevidéu, Cidade Jardim, Cidade Nova, Cidade Universitária, Cinquentenário, Colégio Batista, Concórdia, Conjunto Betânia, Conjunto Califórnia, Conjunto Felicidade, Conjunto Itacolomi, Conjunto Novo Aarão Reis, Conjunto Ribeiro de Abreu, Conjunto Santa Maria, Conjunto Santos Dumont, Coração de Jesus, Coração Eucarístico, Cruzeiro, Da Graça, Das Indústrias, Das Mansões, Dom Bosco, Dom Cabral, Dom Joaquim, Dom Silvério, Dona Clara, Ermelinda, Esplanada, Estoril, Estrela Dalva, ETE Arrudas, Eymard, Fazendinha (Aglomerado da Serra), Fernão Dias, Flamengo, Floresta, F rei Eustáquio, Funcionários, Gameleira, Glória, Goiânia, Gorduras de Cima, Gorduras, Grajaú, Granja Werneck, Guarani, Gutierrez, Havaí, Heliópolis, Horto, Humaitá, Inconfidência, Indaiá, Industrial Rodrigues da Cunha, Instituto Agronômico, Ipanema, Ipiranga, Jaraguá, Jardim América, Jardim das Rosas, Jardim Pirineus, Jardim Taquaril, Jardim Vitória, Jardinópolis, João Pinheiro, Jonas Veiga, Lagoinha, Liberdade, Lourdes, Luxemburgo, Madre Gertrudes, Maria Goretti, Maria Virgínia, Mariano de Abreu, Minas Brasil, Minaslândia, Modelo, Monsenhor Messias, Monte Azul, Morro das Pedras, Morro do Papagaio, Nazaré, Nossa Senhora da Saúde, Nossa Senhora de Fátima, Nova Barroca, Nova Cachoeirinha, Nova Cintra, Nova Esperança, Nova Floresta, Nova Gameleira, Nova Granada, Nova Suíssa, Novo Aarão Reis, Novo Alvorada, Novo São Lucas, Ouro Preto, Padre Eustáquio, Palmares, Pampulha/São José, Paraíso, Parque Riachuelo, Patrocínio, Paulo VI, Pedreira Prado Lopes, Pedro II, Pindorama, Pirajá, Pompéia, Pousada Santo Antônio, Prado Lopes, Prado, Primavera, Primeiro de Maio, Primeiro de Novembro, Progresso, Providência, Recreio, Renascença, Ribeiro de Abreu, Rodrigues Cunha, Sagrada Família, Salgado Filho, Santa Cruz, Santa Efigênia, Santa Inês, Santa Lúcia, Santa Rosa, Santa Tereza, Santa Terezinha, Santo Agostinho, Santo André, Santo Antônio, São Bento, São Bernardo, São Cristóvão, São Francisco, São Gabriel, São Gabriel, São Geraldo, São Gonçalo, São João Batista, São José, São Lucas, São Luiz, São Marcos, São Paulo, São Pedro,  São Salvador, Saudade, Savassi, Senhora dos Passos, Serra, Silveira, Sion, Sumaré, Suzana, Tabelião Ferraz, Taquaril, Tupi, União, Universitário, Vera Cruz, Vila Brasília, Vila Canadá, Vila Indaiá, Vila Ipê, Vila Luiz Abreu,  Vila Maria Aparecida, Vila Maria Virgínia, Vila Mauá, Vila Nossa Senhora da Penha, Vila Maura, Vila Oeste, Vila Paris, Vila Santa Maria; Vila Santo Agostinho, Vila Silveira, Vista Alegre e Vista do Sol

Nova Lima
Sede do município, exceto a região de Macacos, Jardim Canadá e Seis Pistas

Raposos
Todo município

Sabará
Todo município, exceto o Distrito de Ravena

Santa Luzia
Todo o município, exceto a região do São Benedito

.

FONTE: G1.


Feriados 2016: veja a lista de pontos facultativos e feriados nacionais

Além de 1º de janeiro, são mais 13 datas de feriado ou ponto facultativo.
Lista foi publicada nesta segunda-feira (4) no ‘Diário Oficial da União’.

Feriados 2016

O governo federal publicou nesta segunda-feira (4) no “Diário Oficial da União” a lista dos feriados federais para o ano de 2016. Além do 1º de janeiro, são mais 13 datas, entre feriados e pontos facultativos. Confira a lista:

– 8 de fevereiro (segunda-feira): Carnaval (ponto facultativo)

– 9 de fevereiro (terça): Carnaval (ponto facultativo)

– 10 de fevereiro: quarta-feira de Cinzas (ponto facultativo até as 14 horas)

– 25 de março (sexta): Paixão de Cristo (feriado nacional)

– 21 de abril (quinta): Tiradentes (feriado nacional)

– 1º  de  maio (domingo): Dia  Mundial  do  Trabalho  (feriado nacional)

– 26 de maio (quinta): Corpus Christi (ponto facultativo)

– 7  de setembro (quarta):  Independência do Brasil (feriado nacional)

– 12 de  outubro (quarta): Nossa  Senhora Aparecida  (feriado nacional)

– 28 de outubro (sexta): Dia do Servidor Público (ponto facultativo)

– 2 de novembro (quarta): Finados (feriado nacional)

– 15 de novembro (terça): Proclamação da República (feriado nacional)

– 25 de dezembro (domingo): Natal (feriado nacional)

FONTE: G1.


Relações sexuais com menor de 14 anos é crime em qualquer caso, decide turma do STJ

Relações sexuais ou qualquer ato libidinoso entre adultos e menores de 14 anos é considerado estupro de vulnerável, independente de a vítima consentir. A decisão foi tomada pelo Superior Tribunal de Justiça, na terça-feira (25), de forma unânime, e passa a servir como jurisprudência para os tribunais de todo o Brasil. O julgamento é uma resposta a várias apelações semelhantes em todo o país, em processos de estupro de vulnerável, contrariando decisões que foram baseadas na ideia de consentimento das vítimas.

O recurso repetitivo foi apresentado pelo ministro Rogério Schietti, da turma da 3ª Seção do STJ, após receber pedido do Ministério Público do Piauí contestando a absolvição de um acusado de estupro. Ele alegou manter um relacionamento amoroso com uma menina desde que ela tinha 8 anos – hoje tem 18. Quando da denúncia ele tinha 25 anos e ela, 13.

No caso, a vítima e os familiares dela confirmaram que havia um relacionamento. O Tribunal de Justiça do Piauí absolveu o acusado, sustentando que a adolescente tinha discernimento e “nunca manteve relação sexual com o acusado sem a sua vontade”. Para Schietti, nestes casos, “o julgamento recai inicialmente sobre a vítima da ação delitiva, para, somente a partir daí, julgar-se o réu”.

O ministro relator considerou que qualquer ato sexual nessas condições é crime, não importando que a vítima tivesse experiência sexual anterior ou se comprovasse um relacionamento amoroso com o acusado. Schietti argumentou ainda que a evolução dos costumes e o maior acesso de crianças e adolescentes a informação não se contrapõem à obrigação da sociedade e da família de protegê-las.

O número de recursos sobre casos de estupro de vulnerável no STJ cresceu cerca de 2.700% em cinco anos: de 6, em 2010, para 166, em 2014. A maior parte impetrada pelo Ministério Público, contra decisões judiciais que consideraram que as relações foram consensuais. Todos os casos desse tipo estavam suspensos aguardando a definição do STJ.

O ministro já havia se posicionado contra a ideia de consentimento de menor de 14 anos na prática sexual. Relator de um processo originado em São Paulo, em que um homem de 27 anos manteve relações sexuais com uma menina de 11 e foi absolvido pelos desembargadores do Tribunal de Justiça, Cruz enfatizou que o consentimento da criança ou adolescente não tinha relevância na avaliação da conduta criminosa.

Para ele, os argumentos dos magistrados paulistas eram “repudiáveis”. “É anacrônico o discurso que procura associar a evolução moral dos costumes e o acesso à informação como fatores que se contrapõem à natural tendência civilizatória de proteger certas minorias, física, biológica, social ou psiquicamente fragilizadas”, diz um trecho do relatório, de agosto do ano passado. O STJ manteve a condenação por quatro votos a um.

Outros casos que ainda aguardam definição devem ser influenciados pela decisão de terça. Também no TJ de São Paulo, um fazendeiro da cidade de Pindorama foi absolvido da acusação de estupro contra uma adolescente de 13 anos sob alegação de que ele não teria como saber que ela era menor de idade em virtude do seu comportamento.

Acompanhado pela maioria dos desembargadores da 1ª Câmara Criminal Extraordinária do TJ, o relator do caso, que corre em segredo de Justiça, argumentou que “não se pode perder de vista que em determinadas ocasiões podemos encontrar menores de 14 anos que aparentam ter mais idade”.

E continuou: “Mormente nos casos em que eles se dedicam à prostituição, usam substâncias entorpecentes e ingerem bebidas alcoólicas, pois em tais casos é evidente que não só a aparência física, como também a mental desses menores, se destoará do comumente notado em pessoas de tenra idade”. O Ministério Público paulista recorreu da decisão e aguardava o posicionamento do STJ.

 

FONTE: Amo Direito.


Mais de 300 bairros da Grande BH vão ficar sem abastecimento de água neste domingo

Previsão é de que a interrupção dure seis horas para a impermeabilização dos reservatórios, interligação e adequação da subestação elétrica

Copasa/Divulgação

Está programada para o próximo domingo uma parada operacional do sistema produtor do Rio das Velhas, em Nova Lima, que é o responsável pelo abastecimento de água em Belo Horizonte e de parte da Região Metropolitana. De acordo com a Copasa, serão feitas obras de ampliação e manutenção preventiva da unidade.
.
A previsão é de que a interrupção dure seis horas para a hipermeabilização dos reservatórios, interligação e adequação da subestação elétrica, substituição de registros de descargas e montagem de conjuntos motobombas no sistema de cloro da Estação de Tratamento de Água (ETA Rio das Velhas).
.
A expectativa da Copasa é de que o abastecimento retorne a sua normalidade na tarde de domingo e madrugada de segunda-feira.
.
Veja os bairros afetados:
.
Belo Horizonte: Aarão Reis, Aeroporto, Alípio de Melo, Alto Barroca, Alto Colégio Batista, Alto dos Pinheiros, Alto Vera Cruz, Álvaro Camargo, Alvorada, Ana Lúcia, Anchieta, Aparecida, Aparecida 7ª Seção, Baleia, Bandeirantes, Barro Preto, Barroca, Belmonte, Betânia, Boa Vista, Bom Jesus, Bonfim, Borges, Braúnas, Cabana, Cachoeirinha, Caetano Furquim, Cafezal, Caiçara, Calafate, Califórnia, Campo Alegre, Campus da PUC, Campus da UFMG, Canaã, Candelária, Caparaó, Capitão Eduardo, Carlos Prates, Carmo, Casa Branca, Castanheira, Celeste Império, Celestino, Celso Machado, Cenáculo, Centro, Céu Azul, Chácaras Montevidéu, Cidade Jardim, Cidade Nova, Cidade Universitária, Cinqüentenário, Colégio Batista, Concórdia, Conjunto Califórnia, Conjunto Felicidade, Conjunto Helena Antipoff, Conjunto Itacolomi, Conjunto Marilene, Conjunto Novo Aarão Reis, Conjunto Ribeiro de Abreu, Conjunto Santa Maria, Conjunto Santos Dumont, Copacabana, Coração de Jesus, Coração Eucarístico, Cruzeiro, Da Graça, Das Mansões, Dom Bosco, Dom Cabral, Dom Joaquim, Dom Silvério, Dona Clara, Ermelinda, Esplanada, Estoril, Etelvina Carneiro, Europa, Eymard, Fazendinha (Aglomerado da Serra), Fernão Dias, Flamengo, Floramar, Floresta, Frei Eustáquio, Frei Leopoldo, Funcionários, Gameleira, Garças, Glória, Goiânia, Gorduras, Gorduras de Cima, Grajaú, Granja Werneck, Guarani, Gutierrez, Havaí, Heliópolis, Horto, Humaitá, Inconfidência, Indaiá, Indian’s, Industrial Rodrigues da Cunha, Instituto Agronômico, Ipanema, Ipiranga, Itapoã, Jaqueline, Jaraguá, Jardim América, Jardim Atlântico, Jardim das Nações, Jardim das Rosas, Jardim dos Comerciários, Jardim Europa, Jardim Guanabara, Jardim Pirineus, Jardim Taquaril, Jardim Vitória, João Pinheiro, Jonas Veiga, Juliana, Lagoa, Lagoinha, Laranjeira, Leblon, Letícia, Liberdade, Lourdes, Luar da Pampulha, Luxemburgo, Mangueiras, Mantiqueira, Maria Goretti, Maria Helena, Maria Virgínia, Mariano de Abreu, Marize, Minas Brasil, Minas Caixa, Minaslândia, Modelo, Monsenhor Messias, Monte Azul, Morro das Pedras, Nazaré, Nossa Senhora da Saúde, Nossa Senhora de Fátima, Nova América, Nova Cachoeirinha, Nova Cintra, Nova Esperança, Nova Floresta, Nova Gameleira, Nova Granada, Nova Pampulha, Nova Suíça, Nova Vista, Nova York, Novo Aarão Reis, Novo Alvorada, Novo São Lucas, Ouro Preto, Padre Eustáquio, Palmares, Pampulha/São José, Paraibuna, Paraíso, Paraúna, Parque Arizona, Parque Jardim Leblon, Parque Riachuelo, Parque São Sebastião, Patrocínio, Paulo VI, Pedreira Prado Lopes, Pedro II, Pindorama, Pirajá, Piratininga, Planalto, Pompéia, Pousada Santo Antônio, Prado, Primavera, Primeiro de Maio, Primeiro de Novembro, Progresso, Providência, Recreio, Renascença, Ribeiro de Abreu, Rio Branco, Rodrigues Cunha, Sagrada Família, Salgado Filho, Santa Amélia, Santa Branca, Santa Cruz, Santa Efigênia, Santa Inês, Santa Isabel, Santa Lúcia, Santa Mônica, Santa Rosa, Santa Tereza, Santa Terezinha, Santo Agostinho, Santo André, Santo Antônio, São Bento, São Bernardo, São Cristóvão, São Francisco, São Gabriel, São Geraldo, São Gonçalo, São João Batista, São José, São Lucas, São Luiz, São Marcos, São Paulo, São Pedro, São Salvador, São Tomás, Satélite, Saudade, Savassi, Senhora dos Passos, Serra Verde, Serra, Silveira, Sinimbu, Sion, Solimões, Sumaré, Suzana, Tabelião Ferraz, Taquaril, Trevo, Tupi, União, Universitário, Venda Nova, Vera Cruz, Vila Brasília,Vila Canadá, Vila Clóris, Vila Indaia, Vila Ipê, Vila Luiz Abreu, Vila Luiz de Abreu, Vila Maria Aparecida, Vila Maria Virgínia, Vila Mauá, Vila Maura, Vila Monte Castelo, Vila Nossa Senhora da Penha, Vila Oeste, Vila Palmas, Vila Paris, Vila Santa Branca, Vila Santa Maria, Vila Santo Agostinho, Vila Santo Antônio, Vila Satélite,Vila Silveira, Vista Alegre, Vista do Sol e Zilah Spósito
.
Nova Lima: Todo o município, exceto a região do Seis Pistas, Jardim Canadá e Macacos.
.
Raposos: Todo município
.
Sabará: Todo município, exceto Distrito de Ravena.
.
Santa Luzia: – Todo município.
.
São José da Lapa: Bairros Jardim Encantado, Nova Cahoeira e Vila Ical.
.
Ribeirão das Neves: Região de Justinópolis.
.
Vespasiano: Alto do Célvia, Angicos, Angicos, Bela Vista, Bernardo de Souza, Boa Vista, Bom Sucesso, Condomínio Mangueiras, Condomínio São José, Gávea I, Gávea II, Jardim da Glória, Jardim Daliana, Jardim Encantado, Jardim Imperial, Jardim Jequitibá, Lar de Minas, Maria José, Morro Alto, Morro do Cruzeiro, Nova Pampulha, Nova York, Novo Horizonte, Parque Norte, Pouso Alegre, Residencial Mônaco, Santa Clara, Santa Cruz, Santa Maria, São Damião, Serra Azul, Serra Dourada e Vila Esportiva.

.

FONTE: Estado de Minas.



%d blogueiros gostam disto: